O software anti-cheat BattlEye e Easy Anti-Cheat suportarão Steam Deck • Eurogamer.net

“Esta será uma base opcional, com os desenvolvedores escolhendo se desejam permitir ou não.”

O software anti-cheat BattlEye e Easy Anti-Cheat confirmaram que irão suportar o Steam Deck portátil da Valve.

BattlEye – que é usado em jogos porquê Destiny 2, Rainbow Six Siege e PUBG – anunciou que, além de rodar em Linux e MacOS, também suporta Wine e Proton, o último dos quais é usado no próximo dispositivo portátil do Steam.

“BattlEye forneceu suporte nativo para Linux e Mac por o longo tempo e podemos anunciar que também ofereceremos suporte para o Steam Deck (Proton),” BattlEye anunciou no Twitter (obrigado, PC Gamer). “Isso será feito de forma opcional, com os desenvolvedores de jogos escolhendo se querem permitir ou não.”

Nascente teor está hospedado em uma plataforma externa, que só irá exibi-lo se você concordar cookies de direcionamento. Ative os cookies para visualizar.

É uma mensagem importante, até porque as medidas anti-cheat e anti-pirataria – porquê o infame sistema DRM da Capcom, que está por trás dos problemas de tartamudez de Resident Evil Village no PC – podem afetar seriamente o desempenho de o jogo.

O Easy Anti-Cheat – usado em jogos porquê Apex Legends e Halo – também deve ser executado sem problemas no Steam Deck.

Algumas semanas detrás, a Bungie avisou que os jogadores de Destiny 2 PC podem notar o impacto no desempenho de seu jogo posteriormente a soma do mesmo software anti-cheat que foi lançado junto com a atualização 3.3.0.

“As soluções anti-cheat requerem alguns recursos adicionais do sistema para vigiar e você pode ver alguma redução nos frames e no desempenho posteriormente a atualização 3.3.0 entrar no ar”, escreveu Bungie. “O novo serviço também aumentará o começo do jogo.”

- Publicidade -
- Publicidade -Ucorvo
close