Os jogadores gastaram mais de 52.100 milhões de rupias no PUBG Mobile desde o lançamento

O PUBG Mobile da Tencent ultrapassou US $ 7 bilhões (muro de Rs 52,190 crores) em ‘gastos de jogadores vitalícios em todo o mundo’ na Apple App Store e Google Play Store, depois o propagação recorde no terceiro trimestre. Até agora neste ano, o PUBG Mobile, combinado com os gastos dos jogadores com a localização chinesa do título ‘Jogo pela Silêncio’, acumulou $ 2,6 bilhões (muro de Rs 19.386 crores) em receitas, classificando-se porquê o segundo jogo para celular mais arrecadado em todo o mundo, detrás de ‘Honra of Kings ‘(também de Tencent) e supra de Genshin Impact de miHoYo no número três, relata Sensor Tower.

O PUBG Mobile arrecadou consistentemente mais de US $ 700 milhões (muro de Rs 5.219 crores) por trimestre levante ano, atingindo o recorde de US $ 771 milhões no terceiro trimestre de 2021. O título gerou US $ 8,1 milhões por dia em média até agora em 2021. A China se classifica porquê o O principal mercado de geração de receita global para PUBG Mobile, com sua versão do título Game For Peace, arrecadando muro de US $ 4 bilhões no país até o momento, ou quase 57 por cento dos gastos totais dos jogadores globais (esta estudo não inclui a receita de lojas Android de terceiros).

Fora da China, a PUBG Mobile arrecadou mais de US $ 3 bilhões. Os EUA estão em segundo lugar em gastos de jogadores, com 11,8% da receita totalidade, enquanto o Japão completa os três primeiros países com 4,2%. A App Store é responsável pela maior segmento dos gastos dos jogadores em todo o mundo, acumulando 81 por cento da receita totalidade.

O Google Play, por sua vez, responde por 19 por cento da receita. Fora da China, a App Store é responsável por 56,6% dos gastos, enquanto o Google Play representa 43,4%.

Na Índia, o PUBG Mobile e muitos outros aplicativos foram proibidos de convénio com a Seção 69A da Lei de Tecnologia da Informação, como estavam supostamente envolvidos em atividades que ameaçavam a soberania e integridade do país.

Leia todas as últimas notícias, notícias de última hora e notícias sobre o Coronavirus cá. Nos siga no Facebook, Twitter e telegrama.

- Publicidade -
- Publicidade -Ucorvo
Please wait...