Processo de semelhança Black Ops 4

Booker T derrotado em o estrondo lícito de Call of Duty

E portanto, mais o Chamada à ação o processo chega ao término, quando o tribunal do Texas encontra o obséquio da editora Activision em o processo de longa duração com a estrela da WWE Robert “Booker T” Huffman.

O caso, que foi arquivado em fevereiro de 2019, diz reverência ao Call of Duty: Black Ops 4 personagem David “Vidente” Wilkes, a quem Huffman argumentou que foi diretamente influenciado por “GI Bro”, uma persona de luta livre que Huffman retratou nos primeiros estágios de sua curso (assim porquê em seus últimos dias de WCW). Embora o personagem do Vidente tenha pouca semelhança com o retrato GI Bro de Huffman, ele apresenta semelhanças discutíveis com a sentimento de o artista ulterior do lutador que apareceu em o pôster, usado para promover uma história em quadrinhos com o personagem GI Bro de Huffman.

O jurista de Huffman, Micah Dortch, argumentou que “não havia incerteza” de que a Activision copiou a tradução do GI Bro, citando o penteado, tipo de corpo, roupas e “expressões faciais” porquê uma atração direta. A Activision argumentou que Huffman não possuía “a teoria de o varão zangado com o olhar sorumbático”. Crucialmente, a Activision argumentou que o próprio pôster GI Bro em questão foi modelado em outro lutador, Dwayne “The Rock” Johnson e, portanto, não podia ser copiado. Eventualmente, o júri decidiu em prol da Activision, encerrando o caso de dois anos.

Nascente não é o único processo que a Activision enfrentou em 2021 em relação a Chamada à açãoo elenco de personagens com armas em punho. Em fevereiro, o fotógrafo e jornalista Clayton Haugen entrou com uma ação contra a Activision, alegando que o popular Guerra Moderna o operador “Mara” era uma imitação direta de “Cade Janus”, o personagem suposto que Haugen havia criado para o narrativa. Mara é retratada em Chamada à ação do protótipo e streamer Alex Zedra, que também desfilou para Haugen em fotos tiradas para promover a história do jornalista.

Chris Moyse

Editor Sênior – Chris joga console desde os anos 1980. Ex-Rabi do Slam à Noite de Sábado. Graduado pela Galaxy High com honras.

{{ reviewsOverall }} / 5 Usuários (0 votos)
Rapidez
Jogabilidade
Tiro de Sniper
O que os visitantes dizem... Classificar esse Post
Ordenar:

Seja o primeiro a deixar um comentário.

User Avatar User Avatar
Verificado
{{{review.rating_comment | nl2br}}}

Não há respostas para esta revisão ainda.

Avatar
Mostrar mais
Mostrar mais
{{ pageNumber+1 }}
Classificar esse Post

- Publicidade -
- Publicidade -